Este poderia ser o fim da remoção de itens líquidos da sua bagagem?

Steve Lynes / Flickr

A recente regra da TSA em levou os viajantes aos Estados Unidos a bufar, mas agora finalmente há boas notícias vindas de aeroportos que podem realmente acelerar a linha de segurança.

O aeroporto de Heathrow, em Londres, está testando novos scanners de raios-X, o que significa que você não precisa mais retirar produtos de higiene pessoal, eletrônicos e alimentos da sua bagagem de mão. Essas máquinas de imagens 3D, que serão testadas nos próximos seis a 12 meses, permitem que os funcionários de segurança vejam objetos dentro da bagagem das pessoas de todos os ângulos. Ainda melhor, eles podem detectar explosivos escondidos, de acordo com o Departamento de Transportes do Reino Unido, informa a CNN . E Heathrow não está sozinho - o Aeroporto John F. Kennedy de Nova York e o Aeroporto Schiphol de Amsterdã também estão testando dispositivos similares, que usam a mesma tecnologia dos scanners de tomografia computadorizada.

"Continuamos a olhar para novas tecnologias que podem melhorar a experiência do passageiro e fortalecer nossa segurança", disse um porta-voz do Heathrow. Embora os scanners só possam ser encontrados em algumas faixas de segurança, isso pode muito bem ser o começo do fim de longas e irritantes filas de aeroportos.

Você também vai gostar:

Não se esqueça de nos curtir no Facebook! Nós adoramos ser curtidos.