Os 10 países mais seguros do mundo

Viajar pelo mundo é, sem dúvida, recompensador, mas também pode ser intimidador. Após a devastadora notícia de recentes ataques terroristas e desastres naturais, muitos viajantes podem estar ainda mais sintonizados com os destinos considerados seguros.

Se isso soa como você, então você pode querer considerar o Índice de Paz Global para 2017 , no qual o Instituto de Economia e Paz revela os países mais seguros (e mais perigosos) do mundo. Com base em vários fatores, incluindo taxa de homicídio, terror político e mortes por conflitos internos, o relatório classifica 163 países em seu nível de tranquilidade.

E, embora os níveis de segurança tenham oscilado ao longo dos anos, um fato permanece o mesmo - a Islândia manteve o título de país mais seguro do mundo pelo 10º ano consecutivo. Não que você precisasse de outro motivo para visitar o país nórdico, que é conhecido pela Lagoa Azul e pela Aurora Boreal, mas o destino também teve baixa pontuação por homicídios, número de pessoas na cadeia e ataques terroristas.

A Nova Zelândia ficou em segundo lugar, então você pode se preocupar mais com qual atividade de aventura participar, em vez da potencial violência e conflito interno, durante a sua visita. Portugal , um país localizado no sudoeste da Europa e conhecido por seus castelos, praias e saborosa culinária, é tão bonito quanto seguro, ficando em terceiro lugar na lista.

A Áustria , que tem baixas importações de armas e eleições pacíficas, e a Dinamarca , que aparece regularmente na lista dos países mais felizes do mundo , ficaram em quarto e quinto lugares , respectivamente. A República Tcheca , amada por suas charmosas ruas de paralelepípedos, é a próxima, pois vê poucos atos de crimes violentos. Os níveis de beleza e segurança combinados fazem dele uma visita obrigatória na Europa.

A Eslovênia (conhecida por seu belo Lago Bled), o Canadá (o único país da América do Norte a quebrar o top 10), e a Suíça (que mantém uma postura neutra em relação à guerra) seguem. Finalmente, o Japão e a Irlanda , que empataram em 10º lugar, completam a lista. O Japão fez o corte por suas baixas taxas de homicídio e escasso acesso a armas, enquanto a Irlanda saltou do 12º para o 10º lugar este ano, graças ao seu baixo terror político, entre outros fatores.

Por outro lado, a Síria continuou sendo o país menos pacífico do mundo, precedido pelo Afeganistão, Iraque, Sudão do Sul e Iêmen. No geral, no entanto, o relatório indica que o mundo se tornou um lugar um pouco melhor desde 2016, com um aumento médio na tranquilidade de 0,28%. “Enquanto 93 países melhoraram os níveis de tranquilidade, em comparação com 63 que se deterioraram, o hiato entre os países mais e menos pacíficos cresceu”, afirma o relatório.

Agora assista: os países mais seguros do mundo

Você também vai gostar:

Curta-nos no Facebook! Nós faremos seu dia melhor com belas fotos